Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Glitter Girl Blog

Glitter Girl Blog

06
Mar19

Somos demasiado racistas ou demasiado sensíveis?

A Glitter Girl

Nos últimos tempos, estamos a assistir a notícias de (suposto) racismo, nas quais algumas marcas de moda são acusadas de racismo. Nas mais recentes, a Gucci, com a sua camisola preta, de gola excessivamente alta (quem é que vai usar uma camisola até aos olhos?!?), com um contorno vermelho na zona dos lábios, foi acusada nas redes sociais (bem como por alguns fashionistas) de racismo, fazendo referência à "blackface" (vá, façam uma pesquisa no Google) - uma técnica de maquilhagem realizada por atores que pretendiam representar uma personagem de raça negra. Resultado de todo este alarido: uma camisola que ultrapassa os 700 Euros, que nunca ninguém no seu perfeito juízo (os ajuízados sao uma espécie que se encontra em vias de extinção) utilizaria no seu dia-a-dia, foi retirada do mercado e a empresa apresentou o seu pedido de desculpas, por ter ferido a integridade e os sentimentos dos seus apreciadores. A última notícia deste género, foi a que a marca de sapatos da cantora Katy Perry, sofreu exatamente (mas sem tirar nem por, foi copy+paste) do mesmo ódio na Internet, pela mesma "blackface". O modelo, disponível nas versões preto e branco, tem desenhada uma cara, daquilo que parece ser uma forma feminina, com olhos azuis, nariz e lábios vermelhos.

Como todos já se devem ter apercebido, não sou de raça negra, por isso a minha opinião pode ser será sempre vista publicamente como bias, como sendo essencialmente tendenciosa. Mas será a sociedade racista ou cada um de nós cada vez mais pronto para apontar o dedo, fazer um alarido e, sobretudo, demasiado sensível (pronto, já vai haver aqui um roast, mas respirem, por favor)?

Claro que o racismo existe, tanto feito a pessoas de raça negra, como de toda e qualquer outra raça, em todo o mundo (sim, surpresa!). Sim, também é verdade que, atualmente, é muito mais fácil fazermos com que a nossa voz seja ouvida e isto tem vindo a ser um verdadeiro banquete de opiniões em todo o lado (umas mais fundamentadas, outras um bocadinho mais ocas, mas direito de liberdade de expressão é válido para todos). Contudo, será que não nos estamos a tornar demasiado ofendidos com tudo o que nos rodeia? 

Ora bem, eu até que consigo entender a ofensa com a camisola da Gucci (wow, raciocínio rebuscado. Nunca ninguém a vai usar, por isso qual é o objetivo de tanta revolta?). Mas o modelo de sapatos da Katy Perry? Não consigo entender... É preciso ser-se um reclamador profissional para ver maldade num naqueles sapatos. Será que também me posso queixar de racismo pelo modelo de cor branca ter batom vermelho, em vez de cor-de-rosa??

Vá, vamos só acalmar um bocadinho e dar uma olhadela no armário para ver quantas peças é que são racistas e que vamos deitar fora (não façam isto, doem a uma instituição). É políticamente correto ser sensível ao racismo, mas é verdadeiramente correto pensar antes de falar e, sobretudo, ter bom-senso. 

*Será que posso afirmar que alguém é nazi por ter sapatilhas imaculadamente brancas?

** Provavelemente será o meu último post, porque vou ser acusada de racismo

gucci.jpg

 

katy perry.jpg

 

 

1 comentário

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Exactamente Maria, há muita falta de Bom Senso nas...

  • Anónimo

    Concordo a 100%! Excelente post!

  • A Glitter Girl

    Ora nem mais. Zomato, salvando a minha vida desde ...

  • Anónimo

    Quem nunca?

  • Anónimo

    Obrigada pela dica! Vou aproveitar :)

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D